Filha de Eminem diz que cresceu com medo de estar cercada por drogas e álcool

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Eminem durante homenagem a Curtis
Eminem durante homenagem a Curtis "50 Cent" Jackson na Calçada da Fama em 2020, em Hollywood, Califórnia. (Foto: Axelle/Bauer-Griffin/FilmMagic)

A filha do rapper Eminem, Hailie Jade Mathers, abriu o coração ao falar sobre crescer tendo como pai um dos maiores nomes da indústria musical mundial. No primeiro episódio de seu novo podcast, “Just A Little Shady”, ela contou que só percebeu que algumas partes de sua rotina na infância eram incomuns quando cresceu.

Além de ser uma das únicas de seus amigos a ir de limusine rosa para um “chá na Disney” e levar as amigas para conhecer o ônibus de turnê do pai, Hailie revelou que cresceu com um grande medo de estar cercada de drogas e álcool.

Durante o programa de áudio, ela explicou como não frequentava festas ou bebia na época que estava no ensino médio por conta de ter testemunhado a dependência química do pai enquanto crescia. “Sinto que todo mundo estava fazendo isso, mas eu não… Eu era tão ingênua com tudo isso,” disse.

Hailie também não marcava presença nos jogos de futebol americano da escola e acreditava que se fosse “associada com alguém que estava lá e estava bebendo, poderia se meter em confusão". Segundo a jovem de 25 anos, ela evitou fazer as “coisas que os jovens fazem” nessa época. “Eu tinha muito medo… Eu pensava que se fizesse algo errado, eu seria um ser humano horrível”, completou.

Em entrevista ao New York Times, em 2009, Eminem falou abertamente sobre o vício em drogas. “Eu era o pior tipo de viciado, um viciado em funcionamento. Estava tão mergulhado no meu vício em um ponto, que não conseguia me imaginar sendo capaz de fazer qualquer coisa sem algum tipo de droga”, declarou o artista.

O rapper lutava com vício em drogas desde 2007, quando sofreu uma overdose de remédios. Após o episódio, Eminem buscou ajuda profissional e está sóbrio desde então. Em 2020, o músico comemorou 12 anos de sobriedade com uma postagem no Instagram: “Um dia de cada vez. União. Serviço. Recuperação”.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos