Filho do bicheiro Rogério de Andrade é preso pela Polícia Federal em Petrópolis

A Polícia Federal (PF) acaba de prender Gustavo de Andrade e Silva, filho do bicheiro Rogério de Andrade, em Araras, localidade de Petrópolis, na Região Serrana do Rio. Ele é acusado de fazer parte da cúpula da organização criminosa liderada pelo pai, chegando a substituí-lo quando Rogério estava foragido. Gustavo estava com prisão preventiva decretada desde maio, junto com outras 28 pessoas. Ao ser preso num condomínio residencial, estava na companhia do pai, que continua livre por decisão tomada pelo ministro Nunes Marques, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Operação Calígula: MP mira Ronnie Lessa e Rogério de Andrade em operação contra casas de apostas

Após vazamento de operação: Rogério Andrade desapareceu enquanto participava de campeonato de pesca na Costa Rica

A prisão foi resultado de trabalho conjunto do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado do Ministério Público do Rio de Janeiro (Gaeco MP-RJ), responsável pela denúncia contra o grupo, e a PF. Gustavo, de acordo com a denúncia, era tratado por outros integrantes do bando, como "príncipe regente", "filho", ou "zero dois".

Ao menos 13 suspeitos em esquema: Justiça determina que nome de filho de Rogério de Andrade seja incluído na lista de procurados da Interpol

Outro denunciado na ação é Ronnie Lessa, que também responde pelo assassinato da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes. As investigações constataram que Rogério e Gustavo montaram um bingo no Quebra-Mar, na Barra da Tijuca, em parceria com Lessa, que é sargento reformado da PM do Rio.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos