Filipinas cancelam compra de helicópteros militares russos

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Em mais um efeito colateral da Guerra da Ucrânia no mercado internacional de armamentos, as Filipinas cancelaram nesta quarta (27) a compra de 16 helicópteros de transporte militar russos Mi-17.

A aquisição havia sido feita nos estertores do governo de Rodrigo Duterte, em junho, por US$ 227 milhões (R$ 1,2 bilhão), mas agora foi encerrada por temor de que os EUA apliquem sanções ao país por comprar material militar de Moscou —que, até a eclosão da guerra, era o segundo maior exportador bélico do mundo.

Os EUA lideram a lista, e têm agora abocanhado contratos em série, particularmente entre aliados europeus.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos