FILIPINAS TUFÃO

Manila, 29 ago (EFE).- Pelo menos oito pessoas morreram nas Filipinas e outras três estão desaparecidas pelos efeitos do tufão "Tembin", que atingiu ontem o norte do arquipélago e se dirige agora para Taiwan.

Segundo o Centro Nacional de Prevenção de Desastres, sete das vítimas morreram afogadas nas províncias da Unión e Quezón, no norte do país, e em Zamboanga do Sul, na sulina ilha de Mindanao, onde o tufão não bateu totalmente, mas contribuiu para aumentar as chuvas de monção.

A outra vítima faleceu de leptospirose Outras três pessoas estão desaparecidas na província da Unión, ao norte da ilha de Luzon.

Com as últimas vítimas sobe para 180 o número de mortos nas Filipinas durante o mês de agosto após a passagem de vários tufões e depressões tropicais que inundaram durante dois dias 60% da capital, Manila.

Além disso, as inundações deixaram mais de três milhões de desabrigados e tiveram forte custo econômico pelos destroços nas infraestruturas e pelos danos à agricultura.

Após abandonar as Filipinas, "Tembin" se dirige desde ontem à noite rumo a Taiwan e ao sul da China com ventos sustentados de 100 km/h e sequências de até 130 km/h, segundo o serviço filipino de meteorologia.

Entre 15 e 20 tufões atingem o arquipélago filipino durante a temporada de chuvas, que em geral começa em maio e termina em novembro. EFE

Carregando...

YAHOO NOTÍCIAS NO FACEBOOK

Siga o Yahoo Notícias