Filmes embalados por blues: uma lista de produções em que o gênero musical dá o tom

Mario Abbade
·2 minuto de leitura

Na semana em que chega ao streaming o inédito "A voz suprema do blues", último filme com Chadwick Boseman — a produção foi aplaudida de pé pelo Bonequinho —, o crítico de cinema Mario Abbade aponta outras produções em que o blues também dá o tom da trama. Confira a lista abaixo.

‘A encruzilhada’ (Crossroads)

De Walter Hill (EUA, 1986). Com Ralph Macchio, Joe Seneca, Jami Gertz, Steve Vai. Na Apple TV.

O mestre Walter Hill se inspira num dos maiores mitos do blues: o lendário Robert Johnson, que teria conseguido o seu talento ao vender a alma para o diabo. É um filme para ser apreciado principalmente pelos ouvidos: com a trilha sonora de Ry Cooder, a guitarra virtuosa de Steve Vai e a gaita fantástica de Sonny Terry.

‘Mais e melhores blues’ (Mo’ better blues)

De Spike Lee (EUA, 1990). Com Denzel Washington, Spike Lee, Wesley Snipes. No Telecine Play.

Um dos projetos mais doces do diretor Spike Lee, que evita os típicos clichês de filmes sobre músicos. O longa estrelado por Denzel Washington destaca a dedicação ao trabalho que o profissional da música precisa ter e mostra que só talento não basta.

‘Os Irmãos Cara de Pau 2000’ (The Blues Brothers 2000)

De John Landis (EUA, 1998). Com Dan Aykroyd, John Goodman, Walter Levine. No Now da NET.

A sequência não conta com o talento de John Belushi, que morreu em 1982, mas mantém o energético e vibrante blues de Chicago em potência máxima, com diversas participações especiais de astros do gênero musical.

‘Ray’

De Taylor Hackford (EUA, 2004). Com Jamie Foxx, Regina King, Kerry Washington. No Now da NET.

A bela biografia do cantor e pianista Ray Charles foi indicada a seis Oscars e levou o de melhor ator para Jamie Foxx e o de mixagem de som. Um filme que está à altura do talento de Ray Charles.

‘Entre o céu e o inferno’ (Black snake moan)

De Craig Brewer (EUA, 2006). Com Samuel L. Jackson, Christina Ricci, Justin Timberlake. No Amazon Prime Video.

O filme corajoso e polêmico de Craig Bewer conta com ótimas performances de Samuel L. Jackson e Christina Ricci e explora temas como racismo, sexo e religião. Um projeto recheado de controvérsias, mas importante para estimular o debate.

‘Cadillac Records’

De Darnell Martin (EUA, 2008). Com Adrien Brody, Jeffrey Wright, Beyoncé. No Now da NET.

Apesar das licenças poéticas, o longa dirigido por Darnell Martin funciona graças ao elenco afinado — com a popstar Beyoncé interpretando uma estrela em ascensão —com a proposta e à trilha sonora supimpa. Um filme para se assistir dançando.