Finalista com o Benfica, Jorge Jesus quer público na Taça de Portugal: 'Sentimos falta do calor'

·2 minuto de leitura

Finalista da Taça de Portugal com o Benfica, Jorge Jesus mostrou-se positivo à ideia de ter torcedores presentes na decisão. Em entrevista coletiva antes da partida contra o campeão Sporting, pelo Português, no sábado, o ex-comandante do Flamengo foi perguntado sobre a hipótese e sugeriu 5 ou 10% de público na decisão. Os encarnados enfrentam o Braga na final.

— Se eu gostaria? Claro que sim. Não depende de mim. Depende de quem manda. Penso que já há condiçoes para isso acontecer. Se há para a última rodada, mais 5 cinco dias, numa final devia-se permitir dentro das condições que se tenha para dar essa segurança, 5 ou 10% da lotação. Estádios e clubes têm condições para o fazer. É um caso a ser pensado por quem manda — avaliou.

O técnico faz menção à liberação das autoridades portuguesas para que a última rodada da liga tenha presença de público, anunciada na última quarta-feira. Através de comunicado, a Liga NOS afirmou que será autorizada a presença de 10% da lotação dos estádios, exclusivamente para torcedores dos clubes da casa. Todos deverão apresentar resultado negativo de um teste rápido para Covid-19.

A rodada está marcada para 19 de maio, e a decisão da Taça de Portugal acontece no dia 23, em Coimbra. Vale lembrar que, na última quinta-feira, a Uefa confirmou a realização da final da Champions para o Estádio do Dragão, na cidade do Porto. Está liberada a presença de até 12 mil torcedores.

— Seria bonito terminar com a final da Taça nem que seja com 10% dos espectadores. Todos temos falta do calor dos torcedores. Muito mais quando se está num clube que tem a maioria dos torcedores do país para compartilhar tristezas e alegrias. No futebol só se compartilha as alegrias, as tristezas são sempre para os mesmos — encerrou.