Finalista da Libertadores, Santos pode igualar Flamengo em títulos nacionais e internacionais no Maracanã

Extra
·2 minuto de leitura
Foto: ANDRE PENNER / STR

A final da Libertadores será entre brasileiros pela terceira vez na história após o Santos garantir a vaga. Nesta quarta-feira, a equipe liderada pelo atacante Marinho venceu o Boca Juniors por 3 a 0, na Vila Belmiro, e enfrentará o Palmeiras na decisão. O duelo será no Maracanã, no dia 30 de janeiro, às 17h (de Brasília), e terá cara de clássico paulista e de bom retrospecto para o Alvinegro, que irá ao segundo estádio onde mais conquistou títulos.

Junto com o Pacaembu, o Maracanã é o segundo lugar onde o Santos mais conquistou taças (oito no total), perdendo somente para a Vila Belmiro, com dez. Curiosamente, o Alvinegro também pode se tornar o maior campeão do estádio descontando estaduais: são oito títulos nacionais ou internacionais contra nove do Flamengo. É o primeiro clássico paulista da história do Maracanã.

Cronologicamente, a primeira conquista só foi reconhecida em 2010, quando a CBF unificou a Taça Brasil e o Roberto Gomes Pedrosa como títulos brasileiros. O Peixe, portanto, havia vencido o seu primeiro campeonato nacional ao levar a Taça Brasil de 1961. Em 1962, veio o bicampeonato em pleno Maracanã.

O mais importante dos títulos no estádio, o Mundial de Clubes de 1963, teve o diferencial de que Pelé não esteve em campo. Coube a Dalmo marcar o gol da vitória e do título.

Torneio Rio-SP de 1997)

Ainda naquele ano, o Santos conquistou o Torneio Rio-São Paulo, que foi disputado em pontos corridos. O Santos sagrou-se campeão na penúltima rodada, diante do Flamengo.

O bicampeonato do torneio veio em 1964, no mesmo palco que havia levantando a taça no ano anterior. Peixe e Botafogo terminaram empatados em pontos e a organização decidiu realizar uma série "melhor de três", mas apenas a primeira partida foi realizada, com vitória botafoguense por 3 a 2, no Maracanã. Contudo, sem datas para realizar os demais confrontos, paulistas e cariocas foram aclamados campeões.

Após dividir o título do Rio-SP em 1964, naquele mesmo ano o Peixe conquistou um torneio no Maracanã para chamar de seu ao empatar em 0 a 0 com o Flamengo na decisão da Taça Brasil e ficar com o título.

Também foi no Maracanã que o Santos conquistou o penta brasileiro consecutivo, com a Taça Brasil de 1965 sendo confirmada no estádio.

Em 1968 veio o único Torneio Roberto Gomes Pedrosa conquistado no Maracanã. O Santos foi líder do Grupo B e classificou-se ao quadrangular final junto com Internacional, Palmeiras e Vasco, onde o Peixe confirmou a conquista vencendo os cariocas por 2 a 1

O Rio-SP de 1997 foi o único título do Santos no Maracanã fora da "Era Pelé". A equipe encarou o Flamengo da dupla Romário e Sávio. Após vencer por 2 a 1 na ida, o título veio no Maracanã após empate em 2 a 2.