Fiocruz recebe IFA para 4,7 milhões de doses de vacina contra covid-19

·1 minuto de leitura
***ARQUIVO***RIO DE JANEIRO, RJ,  12.02.2021 - Funcionários da Fiocruz trabalham na etapa de envase da vacina Oxford/Astrazeneca,  no Instituto Bio-Manguinhos, no Rio de Janeiro (RJ). Nesta etapa, o líquido da vacina entra no frasco transparente, que é fechado posteriormente. ( Foto: Ricardo Borges/Folhapress) ORG XMIT: AGEN2102121656053113
***ARQUIVO***RIO DE JANEIRO, RJ, 12.02.2021 - Funcionários da Fiocruz trabalham na etapa de envase da vacina Oxford/Astrazeneca, no Instituto Bio-Manguinhos, no Rio de Janeiro (RJ). Nesta etapa, o líquido da vacina entra no frasco transparente, que é fechado posteriormente. ( Foto: Ricardo Borges/Folhapress) ORG XMIT: AGEN2102121656053113

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) recebeu na manhã desta segunda-feira (30) mais um carregamento do ingrediente farmacêutico ativo (IFA) usado para a a fabricação da vacina Oxford/AstraZeneca contra a covid-19. As informações são da Agência Brasil.

A remessa chegou às 5h50 da manhã ao Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro e foi levada para a fábrica do Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos/Fiocruz).

A Fiocruz calcula que o IFA recebido hoje poderá ser usado para produzir 4,7 milhões de doses da vacina. Apesar disso, as instalações de Bio-Manguinhos devem continuar operando abaixo de sua capacidade total, já que a disponibilidade do insumo é menor que a capacidade produtiva do instituto.

Desde o início do ano, a fundação já entregou 91,9 milhões de doses de vacinas contra a covid-19 ao Programa Nacional de Imunizações (PNI). Foram entregues 4 milhões de doses importadas da Índia e 87,9 milhões produzidas em Bio-Manguinhos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos