Fiocruz vai parar de produzir imunizante AstraZeneca por falta de insumo

·1 minuto de leitura
LVIV, UKRAINE - 2021/05/17: A vial of the AstraZeneca vaccine seen at a vaccination center.
The city of Lviv in western Ukraine is offering the IT industry workers to be vaccinated with the AstraZeneca Covid-19 vaccine at a vaccination center located at the Arena Lviv stadium. (Photo by Pavlo Palamarchuk/SOPA Images/LightRocket via Getty Images)
Foto: Pavlo Palamarchuk/SOPA Images/LightRocket via Getty Images.
  • Paralização vai até a próxima terça-feira (25).

  • Mudança significa uma perda de 2,5 milhões de doses.

  • Insumo necessário, IFA, é importado.

A Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) irá interromper a fabricação da vacina Oxford/AstraZeneca na próxima quinta-feira (20) por não haver insumo suficiente.

A Fundação irá desligar as máquinas responsáveis pela primeira fase da produção por cinco dias. Elas serão religadas na terça-feira (25). As informações são da emissora CNN.

Com o desligamento, estarão paralisadas máquinas que misturam os ingredientes, que fazem o envase e a rotulagem da vacina, que são passos referentes a primeira semana de fabricação do imunizante.

Leia também

De acordo com a emissora, a paralização significa uma redução de 2,5 milhões de doses na entrega agendada na terceira semana de junho. As doses que devem ser entregues antes não serão afetadas, pois estão avançadas no processo de produção. Elas foram fabricadas com o estoque existente de Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA), que é importado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos