Flagrado na Copa, Eduardo Bolsonaro tenta se explicar a bolsonaristas indignados

Eduardo Bolsonaro foi flagrado na Copa do Mundo do Catar, em jogo da Seleção Brasileira, e foi cobrado por bolsonaristas que sustentam atos golpistas no Brasil contra vitória de Lula. (Foto: Reprodução/YouTube)
Eduardo Bolsonaro foi flagrado na Copa do Mundo do Catar, em jogo da Seleção Brasileira, e foi cobrado por bolsonaristas que sustentam atos golpistas no Brasil contra vitória de Lula. (Foto: Reprodução/YouTube)
  • Após flagra, Eduardo Bolsonaro alega ter ido ao Catar para mostrar ‘situação do Brasil’;

  • Filho de Bolsonaro está na Copa do Mundo enquanto bolsonaristas realizam protestos pelo país;

  • Com repercussão negativa, deputado bate recorde de menções em rede social e tenta diminuir estrago.

Pegou mal a ida do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP) ao Catar para a Copa do Mundo.

Ele foi flagrado pelas câmeras da Fifa ao lado da esposa, Heloísa Bolsonaro, acompanhando a vitória do Brasil sobre a Suíça na arquibancada do estádio 974.

Após reclamações e piadas nas redes sociais, ele publicou um vídeo em que mostra pendrives e diz ter ido ao país árabe para ‘mostrar a situação’ do Brasil.

"Nesses pen drives aqui tem vídeos em inglês explicando a situação do Brasil. Eu espero que vocês não creiam que aqui só se fala em Copa do Mundo. Só para lembrar para vocês que a Fifa tem mais membros que as próprias Nações Unidas. A imprensa inteira está aqui", argumentou o parlamentar.

O filho do presidente Jair Bolsonaro (PL) destacou a importância da “comunicação internacional”: “Não consegue perceber a importância da comunicação internacional? Será que a gente vai ter que perder um dos pouquíssimos acessos que nós temos?", questionou.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Recorde de menções

Após o flagra na Copa, Eduardo Bolsonaro obteve recorde de menções no Twitter, nesta segunda. O nome dele apareceu em mais de 35 mil publicações, segundo dados da Vox Radar, e se manteve nos trending topics das 15h de ontem até às 10h desta terça-feira (29).

Traição

Apoiadores do presidente Bolsonaro apontaram uma suposta traição do filho do mandatário por estar aproveitando os jogos da Copa do Mundo enquanto os bolsonaristas seguem se dedicando a manifestações golpistas no país.

Por outro lado, opositores ao clã bolsonarista ironizaram a participação do parlamentar no evento futebolístico enquanto bolsonaristas enfrentam Sol, chuva e forças policiais para continuar buscando uma suposta “intervenção militar” contra o resultado das eleições.