Flamengo: buscas por camisa de Zico subiram 1.130% nas retas finais de campeonatos

Ana Clara Veloso
Jogador foi lembrado pelos torcedores rubro-negros

No fim de semana dos dias 23 e 24 de novembro, o Flamengo tornou-se campeão da Copa Libertadores da América e do Campeonato Brasileiro 2019. E na reta final das duas disputas, o e-commerce também comemorou a boa fase do time. Afinal, muita gente achou que deveria renovar o manto para torcer, e as buscas por camisas subiram até 1.130% na plataforma virtual Zoom, entre os dias 16 e 25, em comparação ao mesmo período de outubro.

O levantamento solicitado pelo EXTRA verificou que o produto mais buscado foi a Camisa Retrô do Zico, como número 10 do Flamengo. A homenagem ao jogador que fez parte da outra única vitória dos rubro-negros na Libertadores, em 1981, foi ainda provavelmente impulsionada pelo desejo de ter uma camisa mais atemporal.  A instabilidade também não passou pelo preço do item, que foi mantido durante todo o período em R$ 99,90.

Os demais produtos mais buscados no período tiveram variações de preços. Um fone de ouvido, provando que o torcedor queria usar vermelho e preto da cabeça aos pés, teve alta de 1.100% nas buscas. E o custo variou entre R$ 14,40 e R$ 24,90.

Mostrando a grande influência da vitória nos pequenos, uma mochila escolar com rodinhas foi o terceiro item mais buscado no período, mesmo em fim de ano. O aumento foi de 525% nas buscas. E os preços registrados foram de R$ 69,92 até R$ 119,90.

A Camisa Torcedor Feminina teve alta na procura de 465,5%. E o preço variou de R$ 175 até R$ 239,90. No caso do modelo masculino, o aumento na procura foi de apenas 0,4%, mas o preço flutuou entre R$ 139,99 e R$ 224,99.

Time é responsável por 51% das buscas

Na OLX, um levantamento feito ainda no final de outubro já provava que o time era campeão... ao menos, no empenho da torcida para comprar seus produtos. O Clube de Regatas carioca aparecia em 51% das buscas feitas na plataforma por itens de times. O Palmeiras e o Corinthians ocupavam o segundo lugar, com 12% das buscas, cada.

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o WhatsApp do Extra (21 99644 1263)