Flamengo, Chelsea e Kenedy ajustam contratos e atacante terá empréstimo selado nesta quarta

·1 minuto de leitura

O anúncio oficial do atacante Kenedy como novo reforço do Flamengo está muito próximo de acontecer. Ao longo desta terça-feira, a diretoria rubro-negra trocou minutas contratuais com o Chelsea, com quem fechou o acordo por 12 meses. E também colocou no papel o acordo contratual entre o atleta e o Flamengo.

A expectativa é que a negociação tenha as assinaturas finais nesta quarta-feira, e que o acordo seja sacramentado para que Kenedy tenha os contratos registrados na CBF. Há prazo suficiente para o jogador ter condições de atuar nas quartas de final da Copa do Brasil, porém, como testou positivo para Covid-19 nesta segunda-feira, ele não poderá atuar contra o Grêmio no jogo do próximo dia 26.

A inscrição nesta fase do torneio se encerra no dia 24. A segunda partida, no Rio, acontece em 15 de setembro. Até lá, o jogador já terá tido tempo de se ambientar e recuperar a forma física por conta dos 10 dias parado em quarentena.

Além de Kenedy, o Flamengo tenta a contratação de Andreas Pereira, do Manchester United, também por empréstimo. Se vai pagar R$ 3 milhões ao Chelsea apenas em caso de compra do atacante ao fim de um ano, por 10 milhões de euros, no caso do meia a situação é mais complexa. Flamengo e United precisam se entender sobre o salário de Pereira, muito alto.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos