Flamengo: Estafe de Bruno Henrique atribui lesão ao 'gramado amador' do Maracanã

O estafe do atacante do Flamengo Bruno Henrique atribuiu a torção sofrida pelo jogador ao “gramado amador” do Maracanã. De acordo com pessoas próximas ao atleta, o estado do campo vem causado alguns acidentes e prejudicado o espetáculo.

No mês passado, o estádio ficou fechado por 11 dias para o plantio da grama de inverno já prevista no cronograma da concessionária. No fim do ano passado, o Maracanã passou por uma reforma no campo, que agora é híbrido (90% natural e 10% sintético), com o objetivo de suportar o alto volume de jogos.

Bruno Henrique fará exame de imagem, às 14h desta quinta-feira, para avaliar a gravidade da lesão sofrida na vitória sobre o Cuiabá, por 2 a 0, no Maracanã. A depender do resultado, o jogador fará um tratamento conservador ou cirúrgico, caso seja identificada ruptura ligamentar.

O jogador teve uma hiperextensão do joelho direito que gerou entorse no local. Bruno Henrique saiu de campo, na maca, chorando após a lesão. Ele se machucou depois de disputar um lance com o zagueiro Marllon, aos 21 minutos do primeiro tempo, e foi substituído por Vitinho.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos