Flamengo recorre ao STJD para pedir a paralisação do Campeonato Brasileiro durante a Copa América

·1 minuto de leitura

Apesar da vitória por 1 a 0 diante do Coritiba, nesta quarta-feira, pelo jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil, a diretoria do Flamengo não ficou satisfeito. A avaliação é que os desfalques atrapalharam o desempenho da equipe e, devido a isso, recorreu ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) para que o Campeonato Brasileiro seja paralisado durante a disputa da Copa América.

A informação foi revelado pelo vice-presidente jurídico do clube, Rodrigo Dunshee de Abranches. De acordo com o dirigente, o argumento para pedir a paralisação está no regulamento, que segundo ele, precisa promover a isonomia e equilíbrio entre os concorrentes.

"A CBF precisa promover o equilíbrio das competições. A base da competição é a isonomia entre os concorrentes e isso está no artigo primeiro do regulamento. Somos a favor da seleção, mas com paralisação do campeonato. O mundo civilizado funciona assim", iniciou o dirigente.

"Não podemos prosseguir sacrificando as competições nacionais e os clubes para fazer frente às seleções. Não dá para retroceder. Por conta desse desequilíbrio, o Flamengo se socorreu ao STJD, para que, como em 2019, seja paralisado o Campeonato durante a Copa América", completou.

Dunshee também afirmou que o Flamengo procurou a CBF, mas o pedido não foi ouvido e, devido a isso, procurou o STJD.

"Não estamos sendo ouvidos pela CBF, o que nos fez pedir a intervenção da justiça desportiva. É a oportunidade que temos de rever certos conceitos. Não há como privar alguns clubes de seus melhores jogadores e outros não", declarou o dirigente.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos