Flamengo terá time equilibrado contra o Grêmio, com descanso a quem precisa

Diogo Dantas
Vitinho, Diego e Rodinei são opções para encarar o Grêmio

Depois do empate com o Vasco, o principal assunto no Flamengo é que time deve ir a campo no domingo, diante do Grêmio, três dias antes da viagem para a disputa da final da Libertadores, no Peru.

Segundo a reportagem apurou, a diretoria e a comissão técnica entendem que é preciso dar um descanso a algumas peças importantes antes da partida contra o River Plate, no dia 23. A delegação viaja para Lima no dia 20, e evitar duas viagens à Porto Alegre seria desejável.

No entanto, a ideia do técnico Jorge Jesus é manter uma espinha dorsal mínima para o compromisso no Brasileiro, a cinco rodadas do fim e com 11 pontos de distância na liderança.

Além das perdas de Bruno Henrique, Gerson e Arão, que levaram o terceiro amarelo, também são cotados para não começarem o próximo jogo ao menos um dos dois laterais titulares e um dos zagueiros.

Rafinha e Filipe Luis já vem revezando a participação na equipe nas últimas partidas. Entram ora Rodinei, ora Renê. O mesmo aconteceu com Rodrigo Caio e Pablo Marí recentemente. Rodholdo e Thuler estão à disposição.

No meio-campo, a participação de Arrascaeta é importante para que o uruguaio ganhe ritmo de jogo depois de voltar de uma torção no joelho. Portanto, será outro titular em ação. Já Éverton Ribeiro vem de longa sequência e não tem presença garantida.

A dúvida é quem Jesus vai colocar ao lado de Piris da Motta, que vai para o jogo. Diego ainda não começou uma partida desde que voltou de lesão. Mas é o favorito para a vaga de Gerson.

No ataque, Vitinho e Reinier têm sido soluções nos últimos jogos e dado conta do recado. Apesar de Gabigol ter avisado que quer enfrentar o Grêmio. A opção de centroavante é Lincoln, que voltou a marcar contra o Botafogo.

- É verdade que o jogo do Grêmio antecede a final que toda a nação do Flamengo sonha. Portanto, temos que pensar, mas a equipe não será a mesma, temos três jogadores suspensos. Vamos olhar o que é mais importante para o clube, que está próximo de conquistar dois títulos. Vamos pensar uma forma para que o time não fique desequilibrado e possa somar pontos contra o Grêmio - disse Jesus, que confirmou a utilização de Arrascaeta.

- O Arrascaeta vem de uma lesão complicada, não está 100%. Sabíamos que não estava em condições de jogar 90 min. Temos uma final da Libertadores, e ele é importante. Contra o Grêmio vamos dar mais um pouco de jogo para que ele chegue a Lima completamente recuperado.

A reapresentação do Flamengo é nesta sexta-feira, quando o departamento médico entra em cena para examinar a fadiga dos jogadores e indicar quem tem risco de lesão. Com isso, será decidido se quem for preservado viaja ao Sul ou fica no Rio. Os suspensos permanecem treinando no Ninho do Urubu.