Flamengo x Cuiabá: veja cenários e entenda por que é 'jogo de seis pontos' contra o Z4

Clubes que administram orçamentos e expectativas bem diferentes, Flamengo e Cuiabá se enfrentam nesta quarta-feira, pelo Brasileirão, em situações surpreendentemente parecidas. Fazem, na 12ª rodada, um daqueles confrontos a que se acostumou chamar de "jogo de seis pontos" e por um motivo nada nobre: a ameaça da zona de rebaixamento.

Flamengo: Bancada feminina propõe cotas para mulheres e negros nos conselhos do clube

Entender como o Flamengo chegou a essa situação não é tarefa difícil e passa pelo momento de crise que levou à troca de Paulo Sousa por Dorival Júnior no comando do time. O português, cujos desempenhos e resultados frustrantes jamais transmitiram segurança à torcida, foi sacado após derrotas contra Fortaleza, em casa, e Bragantino, fora. Seu sucessor, que sequer teve tempo para treinar a equipe, estreou com novo revés, diante do Internacional no Beira-Rio.

A sequência de derrotas, algo a que o rubro-negro se desacostumara nos últimos anos, fez com que o time que já flertou com a zona de classificação à Libertadores nesta Série A ficasse à beira do Z4. O Flamengo, aliás, soma o mesmo número de pontos que seus dois primeiros rivais dentro da zona, o Botafogo, em 17º, e o próprio Cuiabá, já em 18º lugar: 12.

Bastidores: Torcedores do Flamengo pedem em abaixo assinado saída de Marcos Braz

A equipe do Mato Grosso, que no ano passado terminou na 15ª posição, certamente não esperava estar no topo da tabela à esta altura, mas a morada no Z4 é um panorama frustrante para um clube que tenta se estabelecer na primeira divisão na era dos clube-empresa.

Hoje comandado pelo português António Oliveira, o Cuiabá ensaia uma recuperação no campeonato, após vencer o Corinthians e empatar com o Bragantino nas rodadas mais recentes. Mas paga o preço por já ter sido derrotado cinco vezes em 11 rodadas da competição.

Quando o juiz apitar o início da partida no Maracanã, nesta quarta-feira, estará em jogo o distanciamento da zona mais indesejada da tabela. Se os rubro-negros vencerem, colherão um pouco de paz e colocarão o rival em situação delicada. Mas, caso sejam derrotados, estarão eles mesmos condenados a ao menos uma rodada no Z4. Em caso de empate, péssimo para ambos, pois a chance de os dois darem as mãos na área do rebaixamento será grande.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos