Florence Welch diz que ficar sóbria foi "a melhor coisa" que já fez na vida

Florence Welch no Billboard Music Awards 2022 no MGM Grand Garden Arena em maio de 2022 em Las Vegas, Nevada. (Foto: Axelle/Bauer-Griffin/FilmMagic)
Florence Welch no Billboard Music Awards 2022 no MGM Grand Garden Arena em maio de 2022 em Las Vegas, Nevada. (Foto: Axelle/Bauer-Griffin/FilmMagic)

A cantora e compositora Florence Welch, conhecida por seus trabalhos com a banda The Machine, falou abertamente sobre seu vício em álcool e como foi tomar a decisão de se manter sóbria há 8 anos. Segundo a artista, escolher a sobriedade foi “a melhor decisão" que já tomou em sua vida.

“Em termos de ter atravessado isso estando aos olhos do público, acho que a sobriedade foi a melhor coisa que me aconteceu”, declarou em entrevista ao podcast “The Way We Are”, apresentado por Munroe Bergdorf.

“Demorei muito tempo pra aceitar que eu tinha, de fato, um problema com o álcool porque eu era uma daquelas pessoas que faziam tudo ou nada. Se eu curtisse, não podia me controlar e se eu me controlasse, não aproveitava”, explicou.

O momento em que Florence notou que tinha um problema e precisava de ajuda foi durante a criação e divulgação do álbum “Cerimonials”, lançado em 2011, considerado um dos maiores sucessos da carreira da artista. “Foi como se o glamour e a grandeza desse disco tivessem criado um escudo para não enxergar o quão caótico era nos bastidores. É por isso que eu acho que o álbum é tão sombrio”, justificou Welch.

Florence afirma que entende que o disco é um dos prediletos de seu público e explicou que ele surgiu durante sua luta contra o álcool – o que não foi um processo fácil. “A sobriedade era realmente solitária”, observou. “Eu tinha entrado na música para beber, sabe, essas duas coisas que eu mais amava. Cantar, festejar e álcool são as coisas em que eu era boa.”

Ela admite que o processo de sobriedade é um trabalho árduo e os dois primeiros anos foram os mais complicados. Ainda assim, ela mandou um recado encorajando os ouvintes que estão lidando com problemas semelhantes: “Se alguém está aí lutando, fica mais fácil”.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos