Fluminense corre para regularizar Marrony e Michel Araújo nesta terça e tê-los contra Goiás

O torcedor do Fluminense ficará atualizando a página do clube no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF durante toda esta terça-feira. Isso porque o tricolor corre contra o tempo para registrar dois reforços para a temporada: o meia Michel Araújo e o atacante Marrony. Eles precisam aparecer até o início desta noite como regularizados se quiserem estar a disposição do técnico Fernando Diniz para enfrentar o Goiás, nesta quarta-feira, às 19h (de Brasília), na Serrinha, pela próxima rodada do Brasileiro.

Leia: Como Dorival conseguiu em um mês de Flamengo o que Paulo Sousa não foi capaz em seis

Lembra dela? Flórida Cup começa neste sábado; saiba quem joga e por que não há mais brasileiros

Tanto Marrony quanto Michel Araújo só poderiam atuar pelo Fluminense a partir do dia 18 de julho, em razão da abertura da janela de transferências. Passada a data, o tricolor — e todos os outros clubes que aguardavam este período para inscrever seus reforços — tenta registrá-los para tê-los o quanto antes. Caso não apareçam no BID nesta terça, terão que ser inscritos até sexta se quiserem enfrentar o Bragantino, no próximo domingo.

Vasco: Alex Teixeira começa treinos segunda-feira e estreia depende de evolução

Veja lista: Dorival Júnior recupera jogadores e cria 'problemas bons' no Flamengo

Michel Araújo se reapresentou ao Fluminense no dia 30 de junho. Ele estava emprestado ao Al Wasl, dos Emirados Árabes Unidos, passou por exames e está entregue à preparação física. O uruguaio vai herdar a camisa 11, que antes era utilizada por Luiz Henrique.

Já Marrony realizou a sua primeira atividade com o elenco no dia 7 de julho. Inicialmente, ficou separado do restante do elenco e fez trabalhos físicos. Posteriormente, se juntou a delegação tricolor.

E o Alan?

Já Alan deve demorar um pouco mais para ser regularizado. O motivo é simples: ele é chinês. E toda a documentação necessária devido a naturalização costuma demorar. O Fluminense ainda precisa receber toda a papelada relacionada a sua mudança de cidadania para poder registrá-lo, além de resolver outros detalhes burocráticos.

Alan ocupará uma das cinco vagas de estrangeiros do elenco ao lado de Jhon Arias, da Colômbia, Germán Cano, da Argentina, Mario Pineida, do Equador, e Michel Araújo, do Uruguai. Além disso, o jogador se recupera de uma lesão no tornozelo, o que atrasou seu trabalho de recondicionamento físico.

O caso de Alan é parecido com ao de outros atletas naturalizados chineses. Ricardo Goulart, por exemplo, que rescindiu com o Santos nesta semana, foi anunciado pelo clube paulista no dia 11 de janeiro. Mas só foi registrado no BID no dia 1º de fevereiro.

Aloisio Boi Bandido, anunciado pelo América-MG no dia 31 de março, só foi regularizado no dia 19 de abril. Ou seja, é normal que a regularização de atletas naturalizados demore.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos