Fluminense estuda investida por Patrick, mas Internacional quer envolvê-lo em 'grande negócio'

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Sem Ricardo Goulart, uma possível tenativa do Fluminense para reforçar o meio-campo é Patrick, do Internacional. O atleta de 29 agrada ao técnico Abel Braga, mas o negócio é tratado com cautela pela sua dificuldade. Porém, há o interesse tricolor, que estuda a melhor forma para abrir negociação. Até o momento, porém, não passou de sondagens.

Patrick tem contrato com o Internacional até 2022 e está recebendo propostas para deixar o Beira Rio. Internamente, o clima do jogador com a diretoria colorada é excelente, mas há um desgaste com a torcida. O clube está aberto a propostas, mas deseja envolvê-lo em um grande negócio por se tratar de um destaque do elenco, conforme apurou O GLOBO. A informação da investida tricolor foi divulgada inicialmente pelo jornalista Victor Lessa.

Recentemente, o meia confirmou que foi procurado por Fluminense e São Paulo, mas apenas consultas sobre a sua situação.

— Tem conversas. Eu acredito que a consulta é natural, normal nessa época do ano. Vai acontecer. Isso aí é um trâmite que acontece entre os diretores, mas nada concreto. Estou focado no Internacional. A intenção inicial é cumprir esse contrato. Óbvio que, se houver alguma conversa e houver alguma coisa, que seja melhor pra ambos. Acho que é válido também fazer um acordo. A gente está aberto a isso. É aguardar os próximos capítulos — disse Patrick, ao canal do Jorge Nicola.

Patrick trabalhou com Abel Braga no Colorado, em 2020, e viveu uma de suas melhores fases no clube gaúcho com o treinador, que foi vice-campeão brasileiro naquele ano. Por isso, é um jogador que interessa ao comandante tricolor para 2022.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos