Fluminense lança promoção para Maracanã cheio contra o Palmeiras

Rafael Oliveira
Fluminense tenta acabar com jejum de vitórias no Maracanã

O Fluminense tenta aproveitar o embalo pela vitória sobre o CSA, que o permitiu deixar a zona do rebaixamento na última rodada, para mobilizar sua torcida. Com a necessidade de conquistar mais cinco pontos para se garantir na Série A em 2020, o Tricolor iniciou uma campanha online na qual convoca seus torcedores a encherem as arquibancadas contra o Palmeiras, amanhã, no Maracanã. Até agora, a reação tem sido positiva. E a expectativa é de que não falte apoio. Mas é preciso também combinar com os jogadores. Afinal, o mando de campo deixou de ser uma arma para o time das Laranjeiras.

O Fluminense está há quatro rodadas sem vencer como mandante. Foram três empates (Atlético-MG, Vasco e Chapecoense) e uma derrota (Athletico). O último triunfo diante de sua torcida já faz tempo. Foi há 46 dias (2 a 0 sobre o Bahia, em 12 de outubro).

O time só não está em situação pior na tabela porque, fora de casa, conquistou seis dos últimos nove pontos disputados (vitórias sobre São Paulo e CSA). Os 38 pontos alcançados fizeram o risco de rebaixamento da equipe cair para 14%.

— O momento é difícil, não desejo que ninguém passe por isso. Foi um “ufa” mesmo, um respiro. Vamos trabalhar esses dias, ver o que erramos, para tentar uma vitória sobre o Palmeiras e sair dessa situação o mais rápido possível — comentou o volante Allan.

Na campanha geral, o Fluminense tem o mesmo número de vitórias como mandante e visitante (cinco). No returno, a diferença no aproveitamento em casa ou fora é pequena: 47,6% e 41%, respectivamente.

Promoção de ingressos

Para animar o torcedor, o clube lançou a campanha “#Lutaremosjuntos" nas redes sociais. O sucesso foi imediato. O termo foi um dos mais citados do Twitter em todo o Brasil. A adesão dos torcedores foi incentivada pelo anúncio de uma nova promoção de ingressos. No jogo de amanhã, os bilhetes para o setor Sul sairão a R$ 20 (R$ 10 a meia). Já para o Leste Superior e Inferior, custarão R$ 10 (R$ 5 a meia).

Em campo, a torcida também verá novidades. O técnico Marcão não poderá contar com o volante Yuri, suspenso pelo terceiro amarelo. Airton, utilizado contra o CSA, é opção. Já o atacante João Pedro está recuperado de virose e pode voltar a ser relacionado. Mas a tendência é que ele fique no banco de reservas.