Fluminense vence o Bahia e chega mais perto do lugar do São Paulo no G4

·2 minuto de leitura
BA - Salvador - 03/02/2021 - BRASILEIRO A 2020, BAHIA X FLUMINENSE - Luiz Henrique jogador do Fluminense comemora seu gol com Martineli jogador da sua equipe durante partida contra o Bahia no estadio Arena Fonte Nova pelo campeonato Brasileiro A 2020. Foto: Walmir Cirne/AGIF
BA - Salvador - 03/02/2021 - BRASILEIRO A 2020, BAHIA X FLUMINENSE - Luiz Henrique jogador do Fluminense comemora seu gol com Martineli jogador da sua equipe durante partida contra o Bahia no estadio Arena Fonte Nova pelo campeonato Brasileiro A 2020. Foto: Walmir Cirne/AGIF

Não foi a melhor das apresentações recentes do Fluminense, que vinha de uma ótima atuação contra o Goiás. Mas pelo menos o resultado manteve o time nos trilhos na busca pela confirmação da vaga na Libertadores. A vitória de 1 a 0 sobre o Bahia faz o Flu pressionar ainda mais o São Paulo, dois pontos a mais.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

Faltando quatro jogos, são 56 pontos e o quinto lugar: a distância para a vaga na fase de grupos do torneio continental está mais curta, independentemente do que aconteça na final da Copa do Brasil.

A vitória do Flu é boa para o Vasco, já que o Bahia é um dos concorrentes para a fuga do rebaixamento.

Leia também:

Coube a Luiz Henrique ser o herói do jogo na Arena Fonte Nova, em Salvador. Nenê foi o garçom, achando o atacante entre os zagueiros. Foi apenas o segundo gol dele neste Brasileirão.

A presença de Luiz Henrique em campo separou os dois momentos do Fluminense na partida. Com ele, o time conseguiu segurar mais a bola na frente, teve mais dinamismo e tinha válvulas de velocidade. Quando o atacante de 20 anos pediu para sair, aos 13 minutos do segundo tempo, o time de Marcão teve outro comportamento. Foi como se quisesse apenas que o tempo passasse para assegurar o bom resultado fora de casa.

Fred também foi substituído junto com Luiz Henrique, enfraquecendo ainda mais o setor ofensivo. Instantes antes, o capitão tricolor perdera boa chance de cabeça.

Do outro lado, o Bahia teve mais uma exibição sofrível. Não por acaso a ameaça de Série B é tão real. Para piorar a situação do time da casa, Ramírez, o mais lúcido da equipe, precisou sair (em lágrimas) após uma torção no joelho esquerdo.

O Fluminense agora tem uma semana para se preparar para o jogo contra o Atlético-MG, no Maracanã. Depois, restarão Ceará, Santos e Fortaleza.

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos