Forças do Iraque finalizam captura de província de Kirkuk após choques com curdos

Veículo da polícia do Iraque é visto em Kirkuk 19/10/2017 REUTERS/Ako Rasheed

BAGDÁ/ERBIL, Iraque (Reuters) - Forças do Iraque assumiram nesta sexta-feira o controle do último distrito da província de Kirkuk, rica em petróleo, ainda em mãos de combatentes curdos peshmerga após uma batalha de três horas, disseram fontes de segurança.

O distrito de Altun Kupri, ou Perde em curdo, se situa na estrada entre a cidade de Kirkuk – assumida por forças iraquianas na segunda-feira – e Erbil, capital da região semiautônoma do Curdistão, no norte do Iraque, que no mês passado realizou um referendo de independência contra a vontade de Bagdá.

Uma força composta de unidades do Serviço de Contraterrorismo do Iraque treinadas pelos Estados Unidos, da Polícia Federal e de combatentes apoiados pelo Irã conhecidos como Mobilização Popular iniciou o avanço sobre Altun Kupri às 7h30 locais, disse um porta-voz dos militares iraquianos.

    Forças curdas peshmerga se retiraram da cidade, localizada junto ao rio Zab, depois de enfrentarem a arremetida de soldados do Iraque munidos de metralhadoras, morteiros e granadas impulsionadas por foguetes, informaram fontes de segurança iraquianas. Nenhum lado deu informações sobre vítimas.

    As forças do governo central do Iraque avançaram sobre a província de Kirkuk praticamente sem oposição, já que a maioria dos peshmerga recuou sem lutar.

O progresso do governo alterou o equilíbrio de poder no norte iraquiano e deve acabar com as aspirações separatistas dos curdos, cuja maioria votou em 25 de setembro para se separar do Iraque e ficar com os campos de petróleo de Kirkuk.

(Por Maher Chmaytelli e Raya Jalabi)