Forças de segurança de Mianmar disparam para dispersar protestos contra usina de energia no estado de Kachin

·1 minuto de leitura

YANGON (Reuters) - Forças de segurança de Mianmar dispararam para dispersar manifestantes do lado de fora de uma usina de energia no estado de Kachin, no norte do país, mostrou uma imagem transmitida ao vivo pelo Facebook, embora não esteja claro se eles estavam usando balas de borracha ou fogo real.

Centenas se reuniram na noite de domingo em frente a uma usina de energia que os soldados ocuparam na cidade de Myitkyina. Quando escureceu, a tropa de choque acompanhada por soldados chegou para afastar a multidão, mostrou a filmagem.

As forças de segurança encharcaram a multidão com um canhão de água e foram ouvidos tiros.

“Há poucos minutos o Tatmadaw foi reforçado com tanques militares e agora eles começaram a atirar”, disse um morador que pediu para não ser identificado por medo de retaliação, usando o termo birmanês para as forças armadas.

(Escrito por Poppy McPherson; Edição de Frances Kerry)