Ford muda gestão para reforçar cadeia de suprimentos e elétricos

BENGALURU, Índia (Reuters) - A Ford anunciou nesta quinta-feira mudança de gestão e racionalização de suas unidades de desenvolvimento de produtos e cadeia de suprimentos, dias depois de sinalizar um provável aumento no estoque de até 45 mil veículos que podem estar precisando de certas peças para serem concluídos.

A montadora disse que o diretor financeiro, John Lawler, assumirá a responsabilidade adicional de supervisionar a reestruturação das operações globais de suprimentos até a nomeação de novo chefe para a área.

No início deste ano, a Ford disse que suas unidades de veículos elétricos e de motores de combustão seriam administradas como entidades separadas, em um movimento destinado a acelerar os negócios com veículos elétricos.

Para impulsionar o desenvolvimento de veículos a bateria, a Ford anunciou a nomeação de Doug Field como diretor de desenvolvimento de produtos avançados e também como diretor de tecnologia.

Na função expandida, Field supervisionará produtos para veículos elétricos, desenvolvimento de software e sistemas digitais e assistência avançada ao motorista, disse a Ford.

Field, que anteriormente liderou o projeto de carros da Apple, foi contratado pela Ford no ano passado para liderar esforços da montadora em tecnologia avançada e sistemas embarcados.

"Desenvolver e dimensionar a próxima geração de veículos elétricos e definidos por software requer um foco diferente e uma mistura de talentos", disse o presidente-executivo, Jim Farley, em comunicado.

A empresa também disse que está contratando ex-funcionários da HP e Google para apoiar o desenvolvimento de veículos totalmente conectados, baseados em software, e sistemas avançados de assistência ao motorista.

(Por Priyamvada C)