Ford retorna ao Uruguai com investimento de US$ 50 milhões

·1 minuto de leitura
Logo da Ford
Logo da Ford

A americana Ford volta ao Uruguai após mais de três décadas para montar veículos destinados ao abastecimento do mercado sul-americano, com um investimento de 50 milhões de dólares e a geração de 200 empregos diretos, informou nesta terça-feira (10) o governo uruguaio.

"Foi confirmado um projeto conjunto da Ford com a Nordex SA, que consideramos de grande valor, uma vez que ambas as empresas se comprometeram a produzir no Uruguai uma série de veículos Ford Transit para todo o mercado sul-americano", anunciou o ministro da Indústria, Omar Paganini, em coletiva de imprensa.

Paganini destacou que a parceria com a Nordex, montadora de automóveis localizada no Uruguai, representa a volta da norte-americana ao país após 35 anos.

"O Uruguai chega para complementar (a produção) e não para substituir", esclareceu Leonel Delménico, diretor da Nordex, na coletiva.

"As fábricas existentes de diversas marcas na Argentina e no Brasil obviamente lidam com outros volumes, outros produtos. O Uruguai na história automotiva se especializou em produtos de nicho, com cadências baixas, que podem ser baixas para a região, mas obviamente não para nós", argumentou.

A produção deve começar a abastecer o mercado no segundo semestre de 2021.

gv/mr/ic/mvv