Fórmula 1 estuda chegada de 11ª equipe no grid

Organizadores da Fórmula 1 estudam grid com 11 equipes nos próximos anos. Foto: Alessio De Marco/LiveMedia/NurPhoto via Getty Images
Organizadores da Fórmula 1 estudam grid com 11 equipes nos próximos anos. Foto: Alessio De Marco/LiveMedia/NurPhoto via Getty Images

Além de buscar novas praças para receber o circo da Fórmula 1, o CEO da categoria, Stefano Domenicali, afirmou que o esporte está finalmente pronto para receber propostas credíveis para aumentar o grid para 11 equipes.

O valor das 10 equipes atualmente na F1 aumentou acentuadamente desde que a Liberty Media adquiriu o campeonato antes da temporada de 2017.

Leia também:

Esse valor foi protegido no último Acordo Concorde pela adição de uma taxa antidiluição de US$ 200 milhões que seria dividida entre as equipes existentes na chegada de uma nova entrada.

Quem não está gostando nada dessa ideia de aumentar o número de carros no grid é o chefe de equipe da Mercedes, Toto Wolff. Ele se opõe a qualquer nova equipe, a menos que possa beneficiar todo o paddock e, embora ecoando esses comentários, Domenicali sugeriu uma mudança na posição agora da F1.

"Não é um problema ter mais uma equipe para ter corridas melhores, portanto veremos e monitoraremos a situação", disse Domenicali em uma ligação com investidores após a divulgação dos resultados financeiros do terceiro trimestre da Liberty Media.

"Se houver uma nova entrada real e credível que queira discutir conosco, estamos prontos para discutir, mas não estamos em uma posição apressada hoje para isso", seguiu.

Um dos interessados em chegar à Fórmula 1 é Michael Andretti, que tem lutado para posicionar sua equipe de sucesso no esporte. Apesar de parecer entusiasmado com a ideia de uma 11ª equipe, Domenicali alertou novamente que isso não pode ter um preço para as equipes existentes.

“Em relação ao valor ou ao processo da possibilidade de trazer uma nova equipe de F1 para o campeonato, é claro, há o primeiro passo que nós e a FIA temos que estar de acordo sobre isso”, finalizou.