1 / 10

Chuvas em Pernambuco

Homem observa a cheia da Barragem de Carpina, cuja capacidade é 121 milhões de metros cúbicos (m³) e já chega aos 115 milhões. Por isso duas das quatro de suas comportas foram abertas, para dar vazão a 7 milhões de m³ de água, diminuindo, assim, as chances de que o Rio Capibaribe transborde e evitando que o número de vítimas da chuvas seja ainda maior.

Chuva em Pernambuco

1 de janeiro de 1970

Nove cidades da região da Zona da Mata de Pernambuco ainda se encontram em estado de calamidade em razão das fortes chuvas. O nível dos rios já baixou, mas é impossível se trafegar na maioria das estradas de terra, deixando centenas de famílias de várias comunidades sem água potável e comida.