França anuncia novas medidas contra Covid-19, com foco na vacinação e sem lockdown

·2 min de leitura

O governo francês anunciou novas medidas para o país enfrentar a quinta onda de contaminações por Covid-19, que atinge em cheio a Europa em meio ao retorno dos dias frios. A dose de reforço da vacina anticovid será aplicada em todos os adultos cinco meses após a segunda imunização e o uso de máscara voltará a ser obrigatório em todos os locais fechados, mesmo aqueles que controlam a entrada com passaporte sanitário. A instauração de restrições como lockdown está descartada.

A principal arma do governo francês contra o coronavírus continua a ser a vacinação. O passaporte sanitário será reforçado: a partir de 15 de janeiro, o documento dos adultos perderá a validade se a dose de reforço (terceira dose) não for aplicada até sete meses depois da segunda injeção.

O certificado e o uso de máscara voltará a ser exigido em todos os lugares fechados com presença de público ou espaços abertos com concentração de pessoas, como as feiras de Natal, que retornam ao país neste fim de ano.

A validade de um teste PCR negativo para a obtenção do passaporte sanitário – recurso dos não vacinados para poderem entrar nos locais que exigem o documento – foi reduzida de 48h para 24h. “Isso significa que, para ter um passaporte sanitário, as pessoas não vacinadas terão de testar todos os dias, e pagar do próprio bolso”, disse o ministro da Saúde da França, Olivier Véran.

Na quarta-feira (24), os números continuaram a subir, com mais de 32 mil novos casos, o que não ocorria desde abril na França. A expectativa é de que o pico dessa nova onda aconteça no começo de dezembro.


Leia mais

Leia também:
Covid-19: França deve expandir 3ª dose e readotar obrigação de máscara em ruas cheias
Em meio a violenta onda de coronavírus, Alemanha chega a 100 mil mortos por Covid-19
França: Médicos estão assustados com rapidez de propagação da quinta onda da Covid-19

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos