França precisa intensificar vigilância contra Covid-19, diz Macron

Presidente da França, Emmanuel Macron, fala durante videoconferência em Paris

PARIS (Reuters) - A França precisa intensificar sua vigilância em relação à situação da Covid-19 no país, dada a emergência de uma nova cepa do coronavírus no Reino Unido, disse o presidente francês, Emmanuel Macron, nesta segunda-feira.

A BFM TV mostrou imagens ao vivo de Macron presidindo uma reunião ministerial do governo via videoconferência. Macron está trabalhando remotamente e em auto-isolamento enquanto se recupera depois de ter um teste positivo para a Covid-19 na semana passada.

(Reportagem de Sudip Kar-Gupta)