França volta a fechar algumas praias após desrespeito a regras de distanciamento

Praia de La Baule, 13 de abril de 2020

Três cidades da costa atlântica francesa fecharão suas praias apenas alguns dias após a reabertura, porque as pessoas não respeitam a distância física devida, anunciaram as autoridades locais nesta quarta-feira.

"Prefeitos de várias cidades pediram para fechar suas praias na noite desta quarta-feira porque se constataram comportamentos inaceitáveis no fim de semana passado", disse a prefeitura de Morbihan, no noroeste da França, à AFP.

Muitas pessoas, por exemplo, não mantiveram uma distância segura ou permaneceram sentadas ou deitadas, o que está proibido, acrescentou a prefeitura de Breton.

Essas cidades costeiras também estavam com medo de que suas praias abertas atraíssem visitantes de outras regiões neste fim de semana, já que quinta-feira é feriado na França e muitos franceses devem estendê-lo até o final de semana.

Depois de quase dois meses fechadas no contexto de combate à epidemia de coronavírus, centenas de praias francesas reabriram no final de semana para quem quer tomar banho, caminhar ou praticar esportes sozinho.

No entanto, é proibido permanecer parado na praia, tomar banho de sol e reuniões com mais de dez pessoas. Comemorações ou consumo de álcool também não são permitidas.

Com mais de 28.000 mortes, a França é um dos países mais atingidos no mundo pelo novo coronavírus. Depois de registrar uma diminuição no número de mortes diárias e de pacientes graves, as autoridades decidiram suspender parcialmente o confinamento no dia 11 de maio.