Frente de evangélicos declara apoio a Lula no 1º turno

Lula (Foto: MIGUEL SCHINCARIOL/AFP via Getty Images)
Lula (Foto: MIGUEL SCHINCARIOL/AFP via Getty Images)

A Frente de Evangélicos pelo Estado de Direito divulgou nesta quinta-feira (18) um manifesto de apoio o ex-presidente e candidato ao Palácio do Planalto Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no primeiro turno das eleições deste ano.

“Para nós, baseados na interpretação bíblica da Segunda Carta de Paulo aos Tessalonicenses, o Estado de Direito é a força civil instituída por Deus para deter as forças destruidoras do Anti-Messias, forças essas responsáveis pela destruição dos seres humanos”, alega o grupo.

Segundo informações do portal Metrópoles, a frente tem representação em 20 estados do país. O apoio ao petista se faz necessária devido às ameaças do presidente Jair Bolsonaro (PL). A divulgação do comunicado aconteceu com a aprovação majoritária das lideranças.

O documento ainda aponta a prevalência no país de “forças destruidoras”, da “doença (COVID-19), da fome (carestia, inflação, congelamento do salário mínimo e destruição dos direitos trabalhistas) e da violência generalizada (armamentismo e emparelhamento das forças militares e paramilitares) ou seletiva (indígenas, população negra, mulheres e LGBTQI+)”.

E critica a “destruição da natureza extra-humana, através da queimada das florestas, da atuação depredadora do agronegócio, do desmonte do sistema regulador ambiental e do aquecimento global”.

Qual a data das Eleições 2022?

O primeiro turno das eleições será realizado no dia 2 de outubro, um domingo. Já o segundo turno – caso necessário – será disputado no dia 30 de outubro, também um domingo.

Veja a ordem de escolha na urna eletrônica nas Eleições 2022

  1. Deputado federal (quatro dígitos)

  2. Deputado estadual (cinco dígitos)

  3. Senador (três dígitos)

  4. Governador (dois dígitos)

  5. Presidente da República (dois dígitos)