Fundador da Binance diz estar 'pobre' após perder R$ 7 bilhões

Binance recebeu tokens da LUNA em troca de seu investimento de R$ 14 milhões (US$ 3 milhões). (Antonio Masiello/Getty Images)
Binance recebeu tokens da LUNA em troca de seu investimento de R$ 14 milhões (US$ 3 milhões). (Antonio Masiello/Getty Images)
  • Fundador do Binance tinha 15 milhões de tokens da LUNA;

  • LUNA perdeu mais de 97% de seu valor em 24 horas;

  • Queda dramática da criptomoeda causou prejuízos bilionários.

Chanpeng Zhao, o rico fundador da corretora de criptomoedas Binance, brincou nesta semana que estava "pobre de novo" depois que seus investimentos na criptomoeda LUNA derreteram de R$ 7,9 bilhões (US$ 1,6 bilhão) há apenas um mês para cerca de R$ 10 mil (US$ 2,2 mil) nesta semana.

Em um tweet na segunda-feira (16), Zhao disse que a Binance, a maior empresa de criptomoedas do mundo, possuía 15 milhões de tokens LUNA. A Binance recebeu esses tokens em troca de seu investimento de R$ 14 milhões (US$ 3 milhões) em 2018 na rede Terra, na qual Luna se baseia. Seus tokens luna "nunca foram movidos ou vendidos", de acordo com Zhao.

Apesar de seus comentários, Zhao, de 45 anos, não está falido. Ele tem um patrimônio líquido de cerca de R$ 73,2 bilhões (US$ 14,8 bilhões), segundo estimativas da Bloomberg. A maior parte de sua riqueza vem de sua participação de 70% na Binance.

Colapso da LUNA

A LUNA perdeu mais de 97% de seu valor em 24 horas, com total perdido de 99,13% de seu valor desde sua máxima histórica, quando valia US$ 119. Hoje o ativo é negociado por US$ 1,03. Com isso, todo protocolo da Terra Network, que engloba a LUNA e a stablecoin atrelada ao dólar TerraUSD (UST), está em queda sem nenhum tipo de previsão de quanto o preço irá se estabilizar.

A queda dramática das criptomoedas causou não apenas prejuízos milionários às grandes potências dos mercados, mas também uma onda de desconfiança em investidores de todas as escalas. Pela primeira vez nos seus 13 anos de história, o bitcoin chegou a sua sétima semana consecutiva de queda.

Estima-se que o setor de criptomoedas tenha perdido mais de US$ 200 bilhões (cerca de R$ 995 milhões) com a crise provocada pela Terra Network. Além do bitcoin, outras moedas como a ethereum também enfrentam dificuldades, acumulando uma desvalorização de 20% na semana.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos