Fundador da Iliad, Xavier Niel, compra fatia na Telecom Italia

Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Por Leila Abboud e Stefano Rebaudo PARIS/MILÃO (Reuters) - O magnata francês Xavier Niel acumulou fatia votante na Telecom Italia de 11,2 por cento, estabelecendo uma potencial disputa por poder com a Vivendi, maior acionista da empresa, sobre o futuro da operadora, dona da TIM no Brasil. Em 21 de outubro, a posição de Niel incluía uma potencial fatia votante de 6,1 por cento derivada de opções de compra, e outras posições equivalentes a mais 5,109 por cento, de acordo com um documento enviado ao regulador do mercado italiano. Niel, fundador da operadora francesa de baixo custo Iliad, chega à Telecom Italia justamente no momento em que o grupo de mídia francês Vivendi, liderado pelo acionista e presidente do Conselho de Administração Vincent Bollore, atingiu uma fatia de 20,03 por cento na empresa. Isso cimentou o papel da Vivendi como maior acionista na companhia, bem como tornou Bollore potencialmente muito influente porque a Telecom Italia é amplamente vista como alvo de aquisição com a aceleração da consolidação na Europa. Mas Bollore poderia ter um rival para lidar com o futuro da Telecom Italia. O bilionário Xavier Niel fez sua fortuna durante a desregularização do mercado de telecomunicações francês. (Reportagem adicional de Joseph Sotinel e AlexandreBoksenbaum Granier)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos