Fundador do Spotify afirma interesse em comprar o Arsenal

·1 minuto de leitura
LONDON, ENGLAND - APRIL 23: A general view of the corner flag at Emirates Stadium before the Premier League match between Arsenal v Everton at Emirates Stadium on April 23, 2021 in London, England. (Photo by Tony McArdle/Everton FC via Getty Images)

A torcida do Arsenal não gostou nada da decisão do grupo proprietário do clube, Kroenke Sports & Entertainment, de se juntar à Superliga Europeia. Mesmo com a desistência dos Gunners e o fim da competição, as críticas continuam por parte dos torcedores. Entre ele, o bilionário Daniel Ek, CEO e fundador do Spotify, plataforma de streaming de música. 

>> Ouça o 'Segunda Bola', o podcast do Yahoo com Alexandre Praetzel e Jorge Nicola

Tanto que em sua conta pessoal no Twitter, Ek afirmou que tem interesse em comprar o clube inglês, para o qual torce desde criança.

Leia também:

Na rede social, o bilionário sueco disse estar disposto a negociar, caso o club esteja à venda. 

“Sou torcedor do Arsenal desde criança, desde que consigo me lembrar. Se o KSE quiser vender, ficarei feliz em negociar”, disse Ek.

Os donos do Arsenal, no entanto, negaram qualquer intenção de vender o clube. Mas a pressão sobre o conglomerado Kroenke Sports & Entertainment continua após a derrota dos Gunners para o Everton, na sexta-feira.

O sueco de 38 anos tem fortuna estimada em mais de R$ 25 bilhões. Fundado em 2006, o Spotify tem mais de 350 milhões de habitantes.