'Fundamental é a confirmação da existência de achacamento de propina', diz Randolfe

·1 minuto de leitura
*ARQUIVO* BRASILIA, DF,  BRASIL,  24-06-2021 - O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP). (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)
*ARQUIVO* BRASILIA, DF, BRASIL, 24-06-2021 - O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP). (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), vice-presidente da CPI da Covid, afirmou que o fundamental "é a confirmação por parte do depoente da existência de achacamento de propina no valor de um dólar".

"A síntese de tudo isso é essa", afirmou Randolfe. O senador pediu acesso a imagens de um hotel de Brasília de onde o depoente o empresário Luiz Paulo Dominguetti teria saído para se reunir em um restaurante em um shopping onde teria recebido pedido de propina.

Dominguetti afirma ter se reunido com o ex-responsável pela área de Logística do Ministério da Saúde, Roberto Dias, e o coronel Marcelo Blanco para negociar a venda de vacinas da Astrazeneca em nome da empresa Davati.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos