Fundo eleitoral de R$ 5,7 bilhões: veja o voto de cada deputado e senador

·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Jair Bolsonaro
    38.º presidente do Brasil

RIO — O Congresso aprovou, nesta sexta-feira, a derrubada do veto de Jair Bolsonaro (PL) e manteve o valor do Fundo Eleitoral em R$ 5,7 bilhões. Em votação na Câmara, o valor foi aprovado por 317 votos a 146 - era preciso obter maioria absoluta de 257 votos para que a decisão do presidente da República fosse revertida. Já no Senado, o placar foi de 53 a 21, superando os 41 necessários. Aqueles que votaram "não", optaram por acabar com o veto, enquanto os parlamentares que votaram "sim", queriam mantê-lo, mas foram derrotados. Como já havia mostrado O GLOBO, o PL, partido de Bolsonaro, esteve entre os mais empenhados em garantir o valor para a campanha de 2022.

Veja como votou cada parlamentar:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos