Funkeiro MC Black é encontrado morto em praia de Fortaleza

·1 min de leitura
Corpo do funkeiro foi encontrado boiando no mar - Foto: Arquivo Pessoal
Corpo do funkeiro foi encontrado boiando no mar - Foto: Arquivo Pessoal
  • Mc Black estava desaparecido desde a última segunda-feira

  • Ele foi encontrado morto em uma praia de Fortaleza

  • Testemunhas viram o rapaz sendo ameaçado por dois homens

Um cantor de funk de 20 anos foi encontrado morto na manhã da última quarta-feira (24). O corpo de Francisco Ytalo Oliveira de Queiroz, conhecido como MC Black, estava na Praia da Leste-Oeste, em Fortaleza.

O funkeiro estava desaparecido desde segunda-feira (22). Naquela manhã, ele havia saído de casa dizendo que ia à Praia de Iracema, onde gravaria conteúdos para suas redes sociais., e retornaria por volta das 11 horas

De acordo com parentes, o rapaz passou em uma agência bancária para sacar dinheiro e se dirigiu à praia. A família não teve mais contato com o rapaz e, diante da demora para seu retorno, decidiu procurá-lo.

A primeira medida foi acionar o rastreador da moto dele, que estava na Praia de Iracema. Os familiares foram ao local, não encontraram o jovem, mas ouviram de testemunhas que MC Black havia sido obrigado a entrar em um carro por dois homens com pedaços de pau nas mãos.

Desde então, o funkeiro foi dado como desaparecido. Isso até a última quarta, quando banhistas encontraram seu corpo boiando na Praia da Leste-Oeste.

Corpo tinha ferimentos

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que uma equipe da Polícia Civil foi responsável pela ocorrência e identificou ferimentos feitos por objetos perfurocortantes no corpo de MC Black.

O rapaz completaria 21 anos nesta sexta-feira (26) e se preparava para seu primeiro show, em 3 de dezembro. O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga o caso.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos