Furacão Lisa se aproxima de barreira de corais e porto de Belize

(Reuters) - O furacão Lisa atingirá a costa de Belize na tarde de quarta-feira, previu o Centro Nacional de Furacões dos EUA (NHC, na sigla em inglês), aproximando-se da barreira de corais do país, antes de se mover pelo norte da Guatemala e sudeste do México.

Modelos climáticos mostram que fortes chuvas e ventos perigosos do Lisa devem atingir alguns dos principais destinos turísticos em Belize, Guatemala e na península mexicana de Yucatán, locais com resorts de praia, recifes de corais e ruínas maias.

O furacão Categoria 1 estava cerca de 60 quilômetros a leste-sudeste da Cidade de Belize, um grande porto, com ventos máximos sustentados de 130 kms por hora, disse o Centro Nacional com sede em Miami em um boletim.

Ele acrescentou que uma poderosa tempestade no local poderia elevar as marés em um ou dois metros acima dos níveis normais.

A organização nacional de emergência de Belize afirmou que as fronteiras fechariam às 17h (horário de Brasília), com fechamentos de portos e aeroportos.

Afirmou que abrigos estariam disponíveis ao redor do país e aconselhou que pessoas vivendo em áreas baixas ou em comunidades costeiras vulneráveis se mudassem para locais seguros.

O presidente da vizinha Guatemala, Alejandro Giammattei, disse em entrevista coletiva que alimentos seriam enviados às áreas vulneráveis.

(Reportagem de Enrique Garcia na Cidade da Guatemala, Gustavo Palencia em Tegucipalpa e Sarah Morland Cidade do México; Reportagem adicional de Brijesh Patel e Kavya Guduru em Bengalururich)