Suspeito de matar mulher e bebê degolados em SC tem passagens por furto e estelionato

Jessica Ballock e seu filho Theo foram encontrados mortos; Kelber Pereira é suspeito de matar e degolar dupla - Foto: Reprodução
Jessica Ballock e seu filho Theo foram encontrados mortos; Kelber Pereira é suspeito de matar e degolar dupla - Foto: Reprodução

A Polícia Civil de Santa Catarina faz buscas e tenta localizar Kelber Henrique Pereira, de 28 anos. Ele é apontado como o principal suspeito de degolar duas pessoas nesta segunda-feira, em Blumenau, no interior do estado. As vítimas são sua ex-mulher, Jéssica Mayara Ballock, de 23 anos, e um dos seus filhos, Theo, de três meses.

O delegado Ronnie Esteves, responsável pela investigação, disse que Kelber tem passagens na polícia por crimes contra o patrimônio e estelionato. O Globo apurou que o suspeito chegou a ser preso em flagrante pelo furto de um carro, em Bragança Paulista, cidade onde vive sua família.

O Ministério Público de São Paulo (MP-SP) acusou Kelber por furto qualificado em 15 de junho deste ano. De acordo com a denúncia, o crime foi cometido "com abuso de confiança, ou mediante fraude, escalada ou destreza".

Kelber entrou em contato com a vítima em 15 de outubro do ano passado, segundo o MP-SP. Na ocasião, ele demonstrou interesse na compra de um carro anunciado em uma rede social e propôs um encontro para fechar o negócio.

Quando encontrou com a vítima, Kelber pediu para dirigir o carro e testá-lo. Assim que recebeu a chave, ele foi para o banco do motorista e a vítima caminhou em direção ao lado do passageiro. Nesse momento, ele "viu o denunciado arrancar com o veículo se evadindo do local, subtraindo o automóvel".

A vítima acionou a polícia assim que teve o carro furtado. E, na mesma data, os agentes conseguiram prender Kelber. Conforme a denúncia, ele foi detido após aplicar o mesmo golpe em outra pessoa. Os policiais então chamaram a primeira vítima à delegacia e ela reconheceu o autor do crime.

Duplo homicídio

Os corpos de Jéssica e Theo foram encontrados nesta segunda-feira em um apartamento na cidade de Blumenau. De acordo com a polícia, as mortes de mãe e filho aconteceram entre a noite de sábado e a madrugada de domingo.

Havia uma faca com marcas de sangue no local do crime. A polícia, no entanto, ainda aguarda o resultado do laudo do Instituto Médico Legal para confirmar a causa das mortes.

Segundo o delegado Ronnie Esteves, que cuida do caso, a polícia foi alertada da ocorrência na manhã de ontem:

— A polícia recebeu uma ligação por volta das 10h informando que no local haveria uma mulher morta. Eles (os policiais) tentaram fazer contato com o morador, mas como não tiveram sucesso entraram. Já na entrada identificaram gotas de sangue — diz o delegado, apontando que os corpos estavam em um quarto fechado.

De acordo com a polícia, a linha de investigação adotada coloca o marido da vítima como principal suspeito do duplo homicídio. Nesta segunda-feira, o pai de Jéssica tentou fazer contato com o genro por celular, mas ele não atendeu e bloqueou o seu número, segundo a polícia.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos