Futuro partido de Bolsonaro, PL ainda não prestou conta à Justiça Eleitoral em 2021

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Jair Bolsonaro e Valdemar Costa Neto tinham confirmado filiação para o dia 22, mas evento foi adiado, sem nova data (Foto: Reprodução)
Jair Bolsonaro e Valdemar Costa Neto tinham confirmado filiação para o dia 22, mas evento foi adiado, sem nova data (Foto: Reprodução)
  • PL ainda não prestou conta à Justiça Eleitoral em 2021

  • Presidente Jair Bolsonaro deve se filiar ao partido

  • Legenda comandada por Valdemar Costa Neto ainda não apresentou declaração de gastos do fundo partidário ao TSE

Segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o PL é uma das poucas legendas que ainda não prestaram conta à Justiça Eleitoral em 2021. O levantamento foi realizado pela coluna do jornalista Igor Gadelha, do portal Metrópoles.

À espera do presidente Jair Bolsonaro, a sigla comandada por Valdemar Costa Neto ainda não declarou gastos deste ano, nem com verbas próprias, nem com o fundo partidário.

Além do PL, não iniciaram a prestação de contas os nanicos PCB e Patriota - que também foi cogitado por Bolsonaro. Todas as outras grandes legendas já têm dados lançados no sistema do TSE de forma escalonada.

O prazo para a declaração dos gastos vai até junho de 2022. Até o momento, as maiores declarações são do PT, com R$ 70.863.482,64 de despesas neste ano, e do PSL, com R$ 61.127.751,19.

Partido da base aliada do presidente, comandado pelo ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, o PP declarou ter gasto até o momento apenas R$ 619 mil.

Marcada para o dia 22 de novembro, a filiação de Bolsonaro ao partido foi adiada após "intensa troca de mensagens".

“Após intensa troca de mensagens na madrugada deste domingo, 14, com o presidente Jair Bolsonaro, decidimos, de comum acordo, pelo adiamento da anunciada cerimônia de filiação”, informou Valdemar Costa Neto, em nota divulgada a parlamentares da legenda e à imprensa.

A “intensa troca de mensagens”, segundo o portal O Antagonista, teve troca de insultos entre Costa Neto e Bolsonaro, incluindo um “VTNC você e seus filhos” escrito pelo líder do PL ao presidente da República.

Reunidos em Brasília na quarta-feira (17), os presidentes dos diretórios regionais do PL deram carta branca a Costa Neto para fazer o que quiser.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos