Fux diz que desprezo à decisão judicial é crime de responsabilidade

O ministro Luiz Fux, presidente do Supremo Tribunal Federal, afirmou que "ninguém fechará" a Corte. Em uma declaração na tarde desta quarta-feira também ressaltou que o desprezo à decisões judiciais por parte de chefe de qualquer poder configura crime de responsabilidade.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos