Gás russo regressa ao Nord Stream 1

O gás já está a fluir ao longo do gasoduto germano-russo Nord Stream 1.

Segundo a empresa alemã que gere a infraestrutura, o volume corresponde a cerca de 40% da capacidade máxima.

A retoma das entregas de gás segue-se a trabalhos de manutenção numa turbina.

As autoridades alemãs receavam que Moscovo pudesse fechar a torneira do gás completamente após a manutenção, agravando ainda mais a crise energética.

Após o ataque da Rússia à Ucrânia, o Ocidente impôs sanções à Rússia. Moscovo, em resposta, suspendeu total ou parcialmente o fornecimento de gás aos países europeus.

O volume do fornecimento nos próximos meses deverá ter um grande impacto na economia alemã, por exemplo, mas também nos clientes privados, uma vez que é provável que se reflicta nos preços do gás.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos