Gabigol tem melhor sequência no Flamengo desde início da pandemia

Diogo Dantas
·2 minuto de leitura

Com o sexto gol marcado em seis jogos na reta final do Brasileiro, o atacante Gabigol chegou a sua melhor sequência com a camisa do Flamengo na temporada, desde a paralisação em função da pandemia do novo coronavírus.

Antes de marcar por seis partidas consecutivas, o camisa nove balançou a rede em sequência em sete jogos seguidos no começo da temporada 2020, em fevereiro. Na ocasião, fez um gol em seis jogos e no sétimo marcou três vezes, contra a Cabofriense.

Depois dessa sequência, já no retorno das competições a partir de junho, teve o melhor momento quando marcou contra Grêmio, Botafogo, Santos, Fortaleza e Fluminense. Mais uma vez um gol por partida, todas do Campeonato Brasileiro.

Na ocasião o técnico era Doménec Torrent. A sequência atual também foi a melhor sob o comando de Rogério Ceni. Antes dela, Gabigol havia balançado as redes de forma aleatória. Uma vez contra o São Paulo, pela Copa do Brasil, uma diante do Racing, na Libertadores, e duas sobre o Santos, no Brasileiro.

"É um dos grandes jogadores do futebol brasileiro. Perto da área ele tem muita movimentação. A perna esquerda ele trabalha muito. Ele tem a frieza. Esse ano talvez o índice de aproveitamento foi abaixo, mas isso quer dizer que ele sempre está lá pra finalizar", disse o técnico Rogério Ceni após a virada sobre o Internacional, com gol de Gabigol.

Agora, o jogador de 24 anos já tem a segunda melhor temporada da carreira. Em 2020/2021, são 42 jogos e 27 gols. No ano passado, quando foi artilheiro do Brasileiro e da Libertadores, o atacante participou de 59 partidas e fez incrívels 43 gols. Em 2018, no Santos, balançou a rede 27 vezes em 52 jogos. Ou seja, já superou em média, restando apenas a partida contra o São Paulo pelo Brasileiro.