Gabriel Jesus, após quatro gols na vitória do Manchester City: 'Sei que não sou Aguero, mas posso ajudar'

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Gabriel Jesus teve uma tarde especial neste sábado, ao participar dos cinco gols do Manchester City sobre o Watford, pelo Campeonato Inglês. Sob os olhares do auxiliar de Tite, César Sampaio, o atacante brasileiro fez quatro gols e deu a assistência para o gol de Rodri, que fechou o placar para o time treinado por Pep Guardiola.

O desempenho do camisa 9 aconteceu na mesma semana em que ele foi especulado no Arsenal na próxima temporada. O City estaria atrás de um novo centroavante para a equipe, o que deixaria Jesus na condição de negociável na próxima janela de transferências.

Na entrevista depois da atuação memorável, Gabriel Jesus lembrou das cobranças para substituir Aguero na condição de artilheiro do Manchester City.

- Talvez tenha sido meu jogo mais importante na Premier League. Pela primeira vez, alcancei um hat-trick. Mais até, fiz quatro gols. Não é todo jogador que já conseguiu isso. Eu tento ajudar meus companheiros de time, quero agradecer ao Kevin (de Bruyne), porque ele pegou a bola depois do pênalti e disse para eu cobrar. Ele disse, "Gabriel, vá e faça seu hat-trick". Então quero agradecê-lo pela oportunidade. Eu já tinha marcado dois e e ele não foi egoísta, me deu a bola. Eu estou aqui para marcar gols. Eu não sou o Aguero, mas sei que posso ajudar meu time. Ele foi uma lenda, um dos maiores jogadores na história do City, e eu tenho que ajudar como posso - afirmou à TV do City.

Confira outros trechos da entrevista de Gabriel Jesus

"Foi uma grande atuação de todos. Fizemos uma grande partida na rodada passada, mudamos alguns jogadores, e seguimos com a mesma qualidade, energia. Esse é o desafio, nós temos grandes jogadores no elenco. É difícil jogar aqui, você tem de se manter num nível alto para ter uma oportunidade".

"Temos de pensar sempre no próximo jogo. Não poderíamos pensar no Real Madrid antes da partida de hoje. Agora vamos nos concentrar no Real Madrid, eles têm muita qualidade, grandes jogadores, vai ser um adversário duro, vamos ter de manter essa energia para ganhar".

"Nós sabemos da nossa qualidade. Temos de manter a intensidade. Sabemos que podemos criar muitas chances de gol e precisamos acertar. Disputamos uma das ligas mais difíceis do mundo e, você sabe, a Champions, não preciso nem dizer.Agora é estudar o Real Madrid, conhecer seus jogadores, como eles jogam. Vai ser uma partida difícil".

"Nossa prioridade agora é seguimos bem fisicamente para a sequência de jogos. Acredito que estamos na parte mais importante da temporada, com vários jogos decisivos. Perdemos uma Copa agora recentemente (semifinal da Copa da Inglaterra, para o Liverpool). Temos de jogar cada jogo como sendo uma final daqui para frente".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos