Gal Costa adotou um filho há 15 anos; maternidade era um sonho

A cantora Gal Costa, que morreu nesta quarta-feira aos 77 anos, deixa seu único filho, Gabriel. O rapaz, que hoje tem 17 anos, foi adotado por ela quando tinha 2 anos depois que a artista o conheceu em um abrigo no Rio.

A maternidade, segundo a cantora, mudou completamente sua vida. "Ser mãe é a melhor coisa do mundo, é revigorante, um amor que não se mede", já disse ela em entrevistas. Em fevereiro de 2021, numa conversa com O Globo, Gal disse ter o sonho de ser avó: "Gabriel será um ótimo pai".

Na mesma entrevista, a cantora falou sobre o sonho que tinha de ser mãe:

"O sonho da minha vida era ter um filho. E eu não engravidava. Minha mãe falava "Gracinha", ela me chamava assim, "adote uma criança". Mas achava que filho tinha que ser parido. Hoje, sei que filho é amor. Eu e Bituca (Milton Nascimento) tínhamos um projeto de ter um filho juntos. Olha só, que oferecida eu era... (risos). Mas era por causa das nossas vozes. Achávamos que um filho nosso teria uma voz especial. Quando eu estava com o Marco Pereira (violonista com quem ficou casada), a gente tentou ter um filho e fui averiguar... Tive uma menopausa precoce (aos 42 anos), não tava ovulando mais..."