Garoto de 11 anos mata menina de oito que não o deixou ver seu cachorro

(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)


Um menino de 11 anos está sendo acusado de assassinato nos Estados Unidos. Segundo testemunhas, ele teria atirado em sua vizinha, uma garota de oito anos que não havia deixado ele ver seu filhote de cachorro no último sábado (3).

Latashe Dyer, mãe da menina morta, disse que a criança brincava no quintal quando seu vizinho apareceu. Após não deixar o garoto brincar com o cão, McKayla foi alvejada.

O xerife responsável pelo caso que ocorreu em Jefferson County, no Tennesse, explicou que o menino usou a arma do pai, uma pistola calibre 12mm. McKayla foi atingida com um tiro no peito e chegou a ser socorrida, mas não resistiu ao ferimento.

O garoto foi levado sob custódia pela polícia e acusado de homicídio. "Espero que o menino tenha aprendido sua lição, já que ele levou a vida do meu bebê e nunca mais a terei de volta", disse a mãe de McKayla em entrevista à imprensa local.

A mãe da vítima disse que este não foi o primeiro caso de violência envolvendo as duas crianças. Segundo Latasha, o garoto praticava bullying contra a sua filha, sendo obrigada a entrar em contato com o diretor da escola onde estudavam.



Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos