Garoto de 12 anos impede que pai mate a mãe a facadas no DF

·1 minuto de leitura
Cristiano esfaqueou a própria esposa - Foto: Divulgação/PCDF
Cristiano esfaqueou a própria esposa - Foto: Divulgação/PCDF

 

  • Cristiano esfaqueou a esposa, Márcia, após uma discussão por ciúmes

  • O filho do casal intercedeu, segurou o pai e permitiu que a mãe escapasse

  • O agressor continua foragido, e o caso é investigado pela polícia

Um garoto de apenas 12 anos impediu que o próprio pai assassinasse a mãe no último domingo, na região do Riacho Fundo II, em Brasília. As informações são do portal Metrópoles.

Leia também

Segundo a publicação, Cristiano Geraldo Silva, de 34 anos, iniciou uma discussão por ciúmes com a esposa, Márcia Prudêncio da Rocha, de 33. O homem, então, desferiu uma facada que atingiu o pescoço da mulher.

O menino, que assistia à agressão, intercedeu e conseguiu segurar o pai, impedindo que ele seguisse com os golpes e permitindo que a mulher escapasse com vida.

O agressor continua foragido - Foto: Divulgação/PCDF
O agressor continua foragido - Foto: Divulgação/PCDF

Márcia foi socorrida por familiares e levada ao Hospital Regional de Taguatinga, onde recebeu tratamento. Graças à ação do próprio filho, a mulher está fora de perigo.

Agressor está foragido

Cristiano conseguiu fugir do local do crime e continua foragido. O caso está sendo investigado pela 29ª Delegacia de Polícia, e a Justiça decretou a prisão temporária do suspeito na última terça-feira.

A Polícia Civil explicou que o agressor utilizou um veículo Classic, na cor preta, para escapar. A placa é JGW-5960. Qualquer informação sobre o paradeiro do suspeito pode ser denunciada anonimamente no telefone 197.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos