Gasolina recua mais de 9% no Brasil em agosto, mostra levantamento

De acordo com levantamento, a gasolina recuou 9,16% em média no Brasil em agosto. Foto: Getty Images.
De acordo com levantamento, a gasolina recuou 9,16% em média no Brasil em agosto. Foto: Getty Images.
  • De acordo com levantamento da ValeCard, a gasolina recuou 9,16% em média no Brasil na primeira parte de agosto;

  • Recuo ocorreu, substancialmente, por causa das reduções de preço de venda do combustível pelas refinarias da Petrobras;

  • Com isso, etanol deixou de ser vantajoso em quase todo o Brasil.

A ValeCard, companhia especializada em soluções de gestão de frotas, divulgou na última sexta-feira (12) um levantamento que aponta que o preço da gasolina nos postos de combustíveis recuou 9,16% durante a primeira parte de agosto, em comparação à média de julho.

Nesta primeira metade, o valor médio do combustível chegou a R$ 5,779 o litro, enquanto em julho havia atingido R$ 6,362.

Leia também:

Acima de tudo, o recuo aconteceu devido às reduções de preço de venda dos combustíveis pelas refinarias da Petrobras nos dias 20 e 29 de julho, em 4,9% e 3,88%, respectivamente.

Os estados do Piauí, Sergipe e Pernambuco registraram as maiores subtrações de preço. O primeiro teve recuo de 15,04%, enquanto os dois últimos, de 12,44%. Já o Maranhão teve uma redução de 12,30%.

Por causa da forte queda no valor da gasolina, o etanol deixou de ser vantajoso em quase todo o território nacional.

O único estado onde se compensava usá-lo para o abastecimento entre os dias 1° e 12 de agosto era o Mato Grosso. No período, o preço médio se manteve em R$ 4,011 o litro, cerca de 67% da gasolina, que estava em R$ 5,997.

O levantamento da ValeCard foi realizado em cima do registro de transações ocorridas em mais de 25 mil postos credenciados.