Gastos do PL com anúncios do Bolsonaro no YouTube às vésperas da convenção chegam a R$ 742 mil

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Os gastos do PL com anúncios no YouTube do presidente Jair Bolsonaro às vésperas da convenção que confirmou sua candidatura chegaram a R$ 742 mil, de acordo com dados do Google. A estratégia foi lotar a plataforma com propagandas de 15 e 30 segundos durante o final de semana.

O número de anúncios chamou a atenção de usuários nas redes sociais, que comentaram nos últimos dias que as propagandas apareciam antes de quase todos os vídeos vistos na plataforma. Neste sábado, o gasto chegava a R$ 114 mil. Um dia depois, o valor foi atualizado pelo Google.

Os dados do Google apontam que o PL gastou R$ 742 mil em 15 anúncios, focados em diferentes regiões do Brasil. O maior investimento foi no Sudeste. O vídeo, de seis segundos, mostra imagens do presidente e uma mensagem: "não pule este vídeo, é pelo bem do Brasil". A peça já foi exibida pelo menos 2,5 milhões de vezes, de acordo com a plataforma.

O PL também investiu na publicação de um vídeo de 30 segundos no mesmo formato e com a mesma mensagem. No YouTube, em alguns dos casos, o usuário pode interromper o vídeo após os cinco primeiros segundos. Existe também a possibilidade de bloquear alguns anúncios.

Os dados do Google mostram que o principal investimento do PL foi em estados em que o presidente é mais forte. Dos R$ 742 mil, R$ 105 mil foram direcionados para anúncios de usuários em São Paulo, seguido pelo Paraná (R$ 56 mil), Rio Grande do Sul (R$ 50 mil) e Goiás (R$ 46 mil).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos