Gata é encontrada e devolvida ao dono após ser considerada morta em deslizamento de 2018

Extra
·1 minuto de leitura
Foto: DivUlgação/ASAP

Durante quase três anos, uma gata chamada Patches foi considerada como uma das vítimas de um deslizamento de terra que correu em janeiro de 2018 na Califórnia, nos Estados Unidos. O animal pertencia a Josephine Gower, de 69 anos, uma das vítimas da tragédia, e Norm Borgatello, que sobreviveu. Patches, porém, foi encontrada em dezembro de 2020 e levada para o abrigo do Programa Animal Shelter Assistance (ASAP), que revelou o episódio curioso na segunda-feira (11) em uma rede social.

A leitura de um microchip confirmou a identidade da gata, que foi resgatada enquanto rondava uma área a apenas alguns metros do local onde ficava a casa dela em Montecito, na cidade de Los Angeles.

Patches foi entregue ainda na véspera do Ano Novo ao antigo dono, Norm, que mal pôde acreditar quando viu a parceira de quatro patas.

“Foi um choque descobrir, ao escanear seu microchip, que ela era, na verdade, a Patches perdida há muito tempo. Josie e seu parceiro, Norm (que milagrosamente sobreviveu àquela noite fatídica) eram apoiadores de longa data do ASAP, e quando descobrimos que o microchip da gata estava registrado em nome de Josie, pudemos entrar em contato com sua família e facilitar esse emcontro que ninguém pensou que seria possível", informou o abrigo em comunicado.